Celebrado por seus registros da flora e da fauna brasileiras,  Araquém Alcântara vai voltar
suas lentes para outras maravilhas naturais: a Patagônia e a Terra do Fogo. A
convite da companhia de navegação Australis, que oferece cruzeiros de expedição
nestes dois destinos entre setembro e abril de cada ano, o fotógrafo ministrará
workshops de fotografia para os passageiros que embarcarem com ele em uma
jornada de quatro noites, entre Punta Arenas, no Chile, e Ushuaia, na
Argentina. Para quem tem vontade de se arriscar com a câmera será uma
oportunidade de ouro para captar as belíssimas paisagens geladas sob a
orientação de um dos profissionais mais respeitados da atualidade no ramo.

 

 O fotógrafo já recebeu diversos prêmios,
publicou mais de 15 livros e destacou-se na fotografia de natureza, registrando
a flora e a fauna do Brasil, bem como o cotidiano dos índios, durante uma
carreira de quase 40 anos. Na viagem à Patagônia e à Terra do Fogo, vai
orientar os cliques que eternizarão alguns dos mais belos marcos da região, que
fazem parte dos roteiros dos navios da Australis, dentre eles: o Estreito de
Magalhães, no limite sul da Patagônia chilena, o lendário Cabo Horn e o canal
Beagle, que separa uma parte do território entre Chile e Argentina, além da
alva Geleira da Cordilheira Darwin. A travessia revive as aventuras de antigos
navegantes e exploradores assim como a viagem de Charles Darwin pela região,
permitindo que os viajantes entrem em contato com diversas espécies de aves
marinhas e terrestres, e também mamíferos marinhos.

 

 O roteiro de quatro noites,
que terá início em 22 de março a bordo do navio Stella Australis, também
passará pelo Glacial Marinelli, na Baía Ainsworth, pelo Glaciar Pia, pela Baía
Wulaia e por bosques magalhânicos, entre outros pontos emblemáticos. Todos os
pacotes para a expedição são em regime de alimentação all inclusive (com
bebidas), já com todas as excursões e atividades realizadas a bordo
incluídas.  Os preços por pessoa em cabine dupla começam em US$ 1.683.